Chás que aceleram metabolismo – [Saiba mais]

Na busca pelo emagrecimento, por vezes, as pessoas recorrem a métodos questionáveis e dietas mirabolantes que trazem sofrimento e reduzem drasticamente as opções alimentares. E é aí que os chás serão excelentes aliados. 

Na maioria das vezes, por falta de conhecimento, as pessoas ficam limitadas numa lista de alimentos para alcançar a perda de peso. Geralmente, alimentos que prometem secar a gordura em pouco tempo, ou que vão tirar a fome. 

O que pouca gente sabe é que os chás podem ser bebidas termogênicas, ou seja, aceleram o seu metabolismo através do aumento da temperatura corporal. Em resumo, o corpo vai converter a gordura acumulada em energia. 

Os chás têm efeitos diversos no nosso organismo. Eles ajudam a relaxar, é um aliado nos dias frios, ajudam a eliminar toxinas e principalmente contribuem na perda de peso. 

Existem alguns chás que auxiliam nesse processo e são bastante eficazes nesta função. 

É importante lembrar que cada organismo funciona de uma forma e não existe um padrão de funcionamento do metabolismo, então em algumas pessoas o processo pode acontecer de forma mais lenta. 

A seguir vamos detalhar alguns tipos de chás que cumprem bem essa função e como cada um deles agirá no seu organismo. 

chás que aceleram metabolismo

Chá mate: 

Este chá contém cafeína em sua composição. A cafeína é estimulante, portanto acelera a queima de gordura e eleva a energia para realizar suas atividades de rotina. Além disso, tem algumas substâncias que quebram as moléculas de gordura acumuladas no corpo que tem sua produção estimulada com o consumo deste chá. 

Chá de canela: 

Ajuda no controle dos açúcares consumidos através dos carboidratos. Tem ação antioxidante, evitando o acúmulo daquela gordura indesejável na barriga. Sua principal característica é permitir que triglicerídeos e o colesterol ruim sejam reduzidos. Ela também reduz a vontade de comer, auxiliando mais ainda na perda de peso. 

Chá de pimenta vermelha: 

Utiliza a capsaicina como substância benéfica nas suas ações. Produz calor através da utilização das moléculas de energia, acelerando em até três vezes o gasto energético. Deve ser evitado por pessoas que tenha hemorroidas ou gastrite. 

Chá de gengibre com abacaxi: 

Auxilia na regulação intestinal e eleva os níveis de saciedade. Esse chá também acelera o metabolismo mesmo quando o corpo não está fazendo atividades. 

Chá de hibisco: 

O hibisco é uma planta medicinal que tem efeitos benéficos além de proporcionar emagrecimento. Já foi comprovado que pode agir na prevenção de problemas no fígado e também controlar a pressão arterial. Para efeito de emagrecimento, é um excelente diurético e contribui na queima de gordura. 

Chá verde: 

Considerado o “queridinho” entre os adeptos das dietas de emagrecimento, além de acelerar o metabolismo, ele auxilia no controle da glicemia, reduzindo assim a quantidade de açúcar no sangue. 

No tecido adiposo, ele age quebrando as moléculas de gordura. Seu consumo à noite deve ser evitado, já que ele pode provocar insônia. 

Chá de oolong: 

Se combinado com uma dieta saudável e equilibrada, melhora o metabolismo das gorduras, diminuindo o peso. Esse chá é de origem chinesa e possui propriedades conhecidas como antiobesidade. 

Esses são alguns dos chás mais populares e com eficácia comprovada em alcançar o objetivo de perder peso sem sofrer, ou recorrer a métodos mirabolantes, e muitas vezes, ineficazes. 

Como tudo que mexe com o seu metabolismo, o consumo dos chás para emagrecimento também deve ter alguns cuidados. Apesar de serem produtos naturais, e possuírem ação diurética e antioxidante na maioria das vezes, as ervas tem diferenças que devem ser observadas. 

Na hora de escolher o chá a se tomar é importante entender as características de cada uma e também ficar atento quando for realizar combinações. 

Também é essencial que opte por sabores que te agradem. Alguns chás são bem amargos e já outros são mais suaves e palatáveis. Como alguns tem maior poder de acelerar o metabolismo, deve ter cuidado também na quantidade consumida. 

chás que aceleram metabolismo

Cuidados importantes: 

Primeiramente, o ideal, é que o chá seja feito em casa. As versões produzidas pela indústria possuem aditivos e conservantes que podem atrapalhar o processo de emagrecimento. 

Os chás, em sua maioria, regulam o intestino e seu uso excessivo pode acarretar num efeito laxativo, causando diarreia, vômito e em alguns casos levar à desidratação. No verão, você pode optar pelas versões geladas, que são mais refrescantes. 

É possível também fazer combinações de ervas diferentes, a fim de elevar os potenciais efeitos. 

A indicação é que não se misturem mais que 3 ervas por vez. Algumas combinações bem conhecidas são chá branco, hibisco e cavalinha, hibisco e dente de leão, ou ainda chá verde, hibisco e amora. 

Lembre-se que eles devem ser tomados puros, sem adição de açúcares ou adoçantes. O açúcar reduz a ação dos fitoquímicos. Também não se deve tomar com leite, pois o cálcio diminui os efeitos do chá. 

É importante ressaltar que o consumo apenas dos chás com o intuito de emagrecer não vai ter efeito milagroso. É necessário que seja acompanhado de uma boa alimentação, bastante balanceada, inserir na rotina a prática de exercícios físicos regulares, boa hidratação, além de boas noites de sono. 

Os chás são grandes aliados na busca pelo emagrecimento. É possível elencar diversos benefícios que eles são capazes de nos oferecer. Os chás são livres de calorias e também são capazes de nos manter hidratados. 

Os benefícios são abrangentes e é comprovado que eles são capazes de nos oferecer maior qualidade de vida, além de serem extremamente saborosos. 

É indicado antes de inserir esse tipo de chá na sua rotina, consultar um nutricionista já que alguns deles podem ter contraindicações para pessoas portadoras de problemas cardíacos ou hipertensos. 

Diante dos benefícios expostos, é bastante eficaz adicionar o consumo de chás na sua rotina, independente de buscar apenas o emagrecimento. Os chás são excelente aliados na aceleração do metabolismo e trazem consequências positivas ao organismo. 

Utilizando-os de maneira correta e consumo consciente, serão importantes no processo de emagrecimento e regulação metabólica, além de oferecerem ações benéficas ao organismo e serem bastante saborosos e refrescantes. 

Comments

Leave a Reply

Your email address will not be published.